top of page

SES apoia campanha nacional de cuidados com a visão no esporte


Neste mês de fevereiro, a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) reforça a importância dos cuidados com a saúde dos olhos no dia a dia e, também, durante a prática esportiva. A iniciativa é do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) e conta com o apoio da SES-GO para sensibilizar as pessoas sobre os cuidados com a saúde ocular.

Com o tema Visão no esporte, a iniciativa terá seu auge neste sábado (11/2), a partir das 10 horas, com uma maratona transmitida pelos canais do CBO no Youtube e no Facebook. Vão ser exibidas entrevistas, debates e depoimentos com esclarecimentos sobre o tema. O evento é voltado para atletas profissionais e amadores.

De acordo com o CBO, algumas questões devem ser consideradas para que o exercício físico não se torne uma ameaça aos olhos. A campanha visa alertar quanto à necessidade de as pessoas procurarem por um médico oftalmologista a fim de entender os riscos que podem ser identificados na atividade pretendida e mesmo avaliar maneiras de lidarem com erros refrativos durante o exercício.

Promoção à Saúde A SES-GO, por meio da Gerência de Vigilância Epidemiológica de Agravos não Transmissíveis e Promoção à Saúde, incentiva a melhoria nos modos de viver no território goiano por meio da Política Estadual de Promoção da Saúde (Peps) e reafirma a importância dos cuidados com o corpo, inclusive com a visão.

“A gerência tem o papel fundamental de discutir e implementar os mais diversos temas que são abordados pela Peps como forma de viver mais saudáveis pela mudança dos hábitos alimentares e prática de exercícios, enfrentamento do uso abusivo de álcool e de outras drogas, além de incentivar cuidados com a saúde mental”, explica o coordenador de Promoção à Saúde, Hamilton José Rezende.

“Um dos exemplos é o Programa Academia da Saúde (PAS), que está presente em 164 municípios goianos. Nesses espaços, as pessoas fazem aulas de dança, praticam esportes e são acompanhadas por profissionais que visam à qualidade de vida da população. São 148 polos em funcionamento e 48 em construção”, cita Hamilton.

Segundo o coordenador, o PAS é uma iniciativa federal disponível para todos os municípios. A SES-GO faz a intermediação entre os gestores municipais e federais, apresentando o programa, capacitando as equipes e acompanhando os projetos realizados nos polos instalados pelo Estado.

“Esses polos fazem parte da rede de Atenção Primária à Saúde e são dotados de infraestrutura, equipamentos e profissionais qualificados. Como pontos de atenção no território goiano, complementam o cuidado integral e fortalecem as ações de promoção da saúde, em articulação com outros programas e ações de saúde”, explica Hamilton.

Visão no esporte De acordo com os especialistas do CBO, qualquer esporte pode deixar o praticante vulnerável a lesões, inclusive nos olhos. Além do risco de trauma ocular, as pessoas com erros refrativos precisam estar atentas à relação estabelecida entre a visão e a prática de cada esporte, considerando três qualidades essenciais à boa acuidade visual: nitidez, profundidade e campo de visão.

A depender de cada esporte, uma dessas qualidades pode ser mais importante do que outras e, por isso, é importante se consultar com um oftalmologista antes de qualquer prática esportiva rotineira.

Isabela Melo (texto e foto)/Comunicação Setorial


Comments


bottom of page